Ciro Pessoa, 1957 – 2020

 

 

O cantor, compositor, guitarrista e poeta Ciro Pessoa, faleceu na madrugada desta terça-feira, dia 05 de maio. A informação foi postada no Instagram pelo baixista Branco Mello, amigo de Ciro.

 

“Estou profundamente triste com a partida do meu irmão, músico, poeta e primeiro grande parceiro, Ciro Pessoa. Foi dele a ideia de reunir os amigos compositores no começo dos anos 80 pra fazermos uma banda de rock. E assim formamos os Titãs. Siga em paz, querido Ciro”, escreveu Branco.

 

A causa da morte do músico de 62 anos, segundo postou sua ex-mulher no Facebook, Isabela Johansen, foi COVID-19. Ciro também lutava contra um câncer e a contraiu durante o tratamento.

 

Ciro Pessoa foi um dos fundadores do grupo Titãs e é coautor, entre outras músicas, do clássico “Sonífera Ilha”, recentemente regravado em nova versão pelo grupo. Além disso, ele também participou da banda Cabine C.

 

 

ATUALIZAÇÃO – depois de conversar com amigos nas redes sociais, me dei conta de que Ciro Pessoa era apoiador do atual ocupante da presidência do Brasil. O leitor da Célula Pop sabe muito bem que o site tem uma posição política progressista bem clara e, por conta deste compromisso, resolvi colocar esta atualização. Aqui vai:

 

Apesar de relevante para o cenário do rock nacional, Ciro Pessoa, a exemplo de outros cantores e compositores do estilo, revelou-se um entusiasta de posições políticas fascistas e opressoras. Seu perfil no Facebook é a prova desta postura, sendo, inclusive, um defensor das palavras de olavo de carvalho.  Sendo assim, o site pede desculpas aos leitores mas reafirma seu compromisso com a notícia.

1+

CEL

Carlos Eduardo Lima (CEL) é doutorando em História Social, jornalista especializado em cultura pop e editor-chefe da Célula Pop. Como crítico musical há mais de 20 anos, já trabalhou para o site Monkeybuzz e as revistas Rolling Stone Brasil e Rock Press. Acha que o mundo acabou no início dos anos 90, mas agora sabe que poucos e bons notaram. Ainda acredita que cacetadas da vida são essenciais para a produção da arte.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *