RIP, Terry Jones

 

O co-fundador da Monty Python, Terry Jones, morreu aos 77 anos. Jones faleceu na terça-feira, 21 de janeiro, devido a complicações por conta de uma forma rara de demência. Ele foi diagnosticado em 2016.

“Terry faleceu na noite de 21 de janeiro de 2020, aos 77 anos de idade, com sua esposa Anna Soderstrom ao seu lado, depois de uma batalha longa, extremamente corajosa, mas sempre bem-humorada com uma rara forma de demência, a FTD”, disse sua família em um comunicado.

 

“Nos últimos dias, sua esposa, filhos e o resto da família e muitos amigos íntimos estiveram constantemente com Terry. Todos nós perdemos um homem gentil, engraçado, caloroso, criativo e verdadeiramente amoroso, cuja individualidade intransigente, intelecto implacável e humor extraordinário deram prazer a incontáveis ​​milhões ao longo de seis décadas. ”

 

Ao lado de Terry Gilliam, Jones co-dirigiu “Monty Python e o Santo Graal” em 1975, e foi o único diretor de outros dois filmes de Monty Python, “Life of Brian” e “The Meaning of Life”. Ele também escreveu o roteiro inicial de “Labirinto”, estrelado por David Bowie.

0

CEL

Carlos Eduardo Lima (CEL) é doutorando em História Social, jornalista especializado em cultura pop e editor-chefe da Célula Pop. Como crítico musical há mais de 20 anos, já trabalhou para o site Monkeybuzz e as revistas Rolling Stone Brasil e Rock Press. Acha que o mundo acabou no início dos anos 90, mas agora sabe que poucos e bons notaram. Ainda acredita que cacetadas da vida são essenciais para a produção da arte.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *